Mapeando Memórias - um mapa afetivo para Gonçalves

Atualizado: Nov 9


GonçalvesTur e Andorinha Ateliê Itinerante realizam mapeamento afetivo em Gonçalves


Preservar, valorizar e resgatar a identidade local da cultura da roça por meio de projetos que divulgam e promovam o patrimônio cultural da cidade é um dos valores institucionais da Associação Pró-Turismo de Gonçalves (GonçalvesTur). E a parceria com o Andorinha Ateliê Itinerante viabilizou a realização do projeto Mapeando Memórias, que permeou entre as histórias, vivências, experiências e produções de quem vive em Gonçalves, especialmente na área rural, revelando valores imateriais e onde se enraízam no território.


O projeto Mapeando Memórias é uma pesquisa sociocultural do município de Gonçalves, desenvolvida a partir de um olhar etnográfico, urbanístico e poético sobre o patrimônio cultural, que culminou com a produção de um mapa afetivo de Gonçalves, que mapeou histórias, memórias e curiosidades, sempre conectadas com as pessoas do território e seu patrimônio.


Durante o primeiro semestre de 2019, o ateliê itinerante esteve em Gonçalves, dialogando com pessoas e grupos da cidade, fazendo diversas ações com a comunidade local. Realizaram oficinas com os jovens da Escola Estadual João Ribeiro da Silva, projetaram melhorias para a praça pública com o grêmio estudantil, promoveram ateliês abertos de arte nas ruas do centro, ocuparam a feira Orgânicos da Mantiqueira com um ateliê para crianças, e visitaram diversos moradores antigos, para escutar suas histórias.


Todo mapa conta uma história e escolhe sua perspectiva. O Mapa de Gonçalves mostrou a agricultura orgânica, os carros de boi, as procissões, as cavalgadas, as casas antigas, a moda de viola, os artesãos, as pequenas produções, modos de vida, modos de fazer. O Mapa ficou repleto de afeto, histórias e memórias.

Veja abaixo o resultado do trabalho.


Projeto Andorinha

O projeto Andorinha é um ateliê itinerante de pesquisa e ação em arte e arquitetura, que desenvolve projetos com escolas e comunidades, a fim de ocupar praças, transformar espaços e promover ações colaborativas que celebrem a história oral, o fazer manual, a arte e o patrimônio cultural.




MAPA FINAL 02-12-2020
.pdf
Download PDF • 9.61MB

CADERNO PARA IMPRESSÃO 02-12-2020 (2)
.pdf
Download PDF • 6.38MB








3 visualizações0 comentário